Click to listen highlighted text!Powered By GSpeech
Welcome to Cidade de Évora, Portugal - Evoracity.NET  Welcome to Cidade de Évora, Portugal - Evoracity.NET
domingo 24 Jun. 2018
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size

terça, 28 outubro 2014 09:07

Fundação Eugénio de Almeida apresenta Inventário Artístico da Arquidiocese de Évora

Escrito por

Projeto dá a conhecer um património valioso do ponto de vista devocional, artístico, histórico e cultural através da inventariação dos acervos religiosos de 158 paróquias localizadas em 24 concelhos, num total de cerca de 24.844 peças, 31.176 documentos e 155.808 imagens.

A Fundação Eugénio de Almeida apresenta, no próximo dia 30 de outubro, pelas 10h00, no auditório do Fórum Eugénio de Almeida, Évora, os resultados do Inventário Artístico da Arquidiocese de Évora, um projeto institucional que, durante 12 anos efetuou o levantamento, o estudo e a catalogação do património artístico diocesano. O Colóquio Inventário Artístico da Arquidiocese de Évora assinala assim o encerramento de uma iniciativa da Fundação Eugénio de Almeida, em colaboração com a Arquidiocese de Évora, que surgiu do compromisso da Instituição na preservação, conhecimento e divulgação do património cultural móvel diocesano.

Sob a coordenação técnico-científica de Artur Goulart, uma equipa de profissionais nas áreas de História do Património, História da Arte e Ciências Documentais, realizou o levantamento exaustivo de uma diversidade de espólios e tipologias de objetos, dispersos por um alargado território geográfico, desde a pintura, à escultura, às alfaias litúrgicas, aos têxteis, à joalharia, à numismática, à azulejaria, e a documentos de arquivo e livros antigos.

Para o Presidente do Conselho de Administração da Fundação, Cónego Eduardo Pereira da Silva, "à grandeza dos números dos milhares de peças que a Igreja reuniu ao longo dos tempos para servirem de esteio de evangelização e de mediador da devoção dos fiéis, soma-se o valor histórico, cultural, artístico, pastoral e espiritual intrínseco deste património que, pese embora ser propriedade da Igreja, a todos pertence enquanto marca identitária e expressiva do que somos enquanto povo.
Foi por isso que a Fundação Eugénio de Almeida quis desenvolver este projeto, para que esta marca permaneça indelével, para que este legado do passado seja apreciado e vivido hoje, tornando-se por sua vez a herança que será deixada às gerações vindouras".

E acrescenta, "há muito que o conhecimento, a salvaguarda e a divulgação do Património são objetivos inscritos na matriz estratégica da Fundação Eugénio de Almeida. Desde logo, pelo seu enquadramento na Missão e nos fins da Instituição, orientados para o desenvolvimento integral e integrado da cidade de Évora e da sua Região; mas também porque ela própria é titular e responsável por um importante património histórico-artístico e arquitetónico; e, ainda, por fidelidade ao carisma do seu Instituidor, Vasco Maria Eugénio de Almeida, a cuja obra tem o dever de dar continuidade."

O projeto incluiu ainda uma componente de divulgação, que serve de instrumento de mediação e aproximação dos públicos aos acervos estudados, constituindo-se como o primeiro a oferecer informação exaustiva, sistematizada e contextualizada em torno dos espólios identificados. Neste domínio destaca-se a linha editorial com 12 livros editados e 6 edições em preparação, que tem dado a conhecer algumas das mais emblemáticas peças estudadas nos diferentes concelhos, bem como o Web Site bilingue onde se pode encontrar o registo fotográfico, assim como a história e função litúrgica das peças inventariadas. Este inclui também o espaço Inventário On-line Júnior concebido para o acesso a um público mais jovem, um cd-rom de carácter pedagógico para promover a formação histórico-artística das gerações mais jovens.

Resultados do projeto do Inventário

Foram inventariados cerca de 24.844 peças, 31.176 unidades de descrição em arquivo e 155.808 imagens de instituições religiosas de 158 paróquias localizadas em 24 concelhos, designadamente Alandroal, Alcácer do Sal, Arraiolos, Avis, Borba, Elvas, Estremoz, Évora, Fronteira, Monforte, Mourão, Montemor-o-Novo, Mora, Ponte de Sor, Portel, Redondo, Sousel, Viana do Alentejo, Vila Viçosa, Reguengos de Monsaraz e Campo Maior, Vendas Novas, Coruche e Benavente.

Programa

Ler 1232 vezes Modificado em terça, 28 outubro 2014 09:17

Pesquisar no Google

Canal nº 186169 – Portal Evoracity.NET no MEO Kanal
Canal nº 128300 – Mobilidade Elétrica no MEO Kanal

Código QR

QR Code

Publicidade

Click to listen highlighted text!Powered By GSpeech