Click to listen highlighted text!Powered By GSpeech
Welcome to Cidade de Évora, Portugal - Evoracity.NET  Welcome to Cidade de Évora, Portugal - Evoracity.NET
sexta 21 Jul. 2017
  • Increase font size
  • Default font size
  • Decrease font size

segunda, 25 julho 2011 00:00

Conclusão de trabalhos de Modernização do Troço Bombel – Casa Branca – Évora

Escrito por 

Concluídos os trabalhos das empreitadas de reabilitação da plataforma ferroviária, electrificação e instalação dos novos sistemas de sinalização electrónica e de controlo de velocidade necessários à modernização do Troço Bombel – Casa Branca – Évora, serão retomadas, no próximo dia 24 de Julho, as ligações ferroviárias às cidades de Évora e Beja.

O troço em causa abrange, simultaneamente, a Linha do Alentejo, entre as estações de Bombel e Casa Branca, a Linha de Vendas Novas, entre as estações de Vidigal e Vendas Novas, e a Linha de Évora, entre as estações de Casa Branca e Évora, tendo sido realizadas as seguintes intervenções principais:

  • Renovação integral da Linha do Alentejo entre Bombel e Casa Branca, numa extensão de cerca de 37,4 km (excluindo estações);
  • Renovação integral da Linha de Vendas Novas entre Vidigal e Vendas Novas, numa extensão de cerca de 3,1 km (excluindo estações);
  • Alteração do layout e das plataformas de passageiros das estações de Vendas Novas, Torre da Gadanha e Casa Branca, com a criação de desnivelamentos para o serviço intergares;
  • Substituição dos tabuleiros das pontes metálicas da Capela, ao km 83,827 e da Prata, ao km 88,153, por tabuleiros em betão armado;
  • Electrificação do traçado;
  • Instalação de novos sistemas de sinalização electrónica e controlo de velocidade (CONVEL);
  • Supressão de todas as passagens de nível mediante a construção de obras de arte e respectivos restabelecimentos de acesso;
  • Substituição das passagens superiores rodoviárias ao km 57,307, na Estação de Vendas Novas, ao km 74,584, na Estação de Torre da Gadanha e ao km 90,206, na Linha de Évora.

 

Na Estação de Évora foram realizadas as seguintes intervenções principais:

  • Modernização da infra-estrutura e optimização do layout;
  • Renovação integral do armamento de via-férrea;
  • Electrificação da linha;
  • Reconversão dos cais de passageiros e das plataformas ferroviárias;
  • Modernização do Edifício de Passageiros e Interface, com requalificação da área envolvente da estação;
  • Construção de passagens desniveladas e restabelecimentos de acesso.


O conjunto dos trabalhos envolvidos nas diversas empreitadas, incluindo projectos, expropriações, sistemas de sinalização electrónica e controlo de velocidade, aquisição de materiais de via e fiscalização, representa um investimento total de cerca de 100 milhões de euros.

Com a conclusão dos trabalhos no Troço Bombel – Évora está viabilizada a prática de velocidades da ordem dos 190/200 km/h, que irá contribuir para uma melhoria da competitividade do caminho-de-ferro neste percurso.

O Troço Bombel – Évora faz parte do corredor ferroviário de mercadorias Sines / Elvas-Caia, que está incluído na lista dos trinta projectos prioritários da Rede Transeuropeia de Transportes.

Este projecto foi apoiado pelo Programa Operacional de Valorização do Território, no âmbito do QREN, com uma taxa de comparticipação do Fundo de Coesão da União Europeia de 70 por cento.

 

Consulte aqui o horário completo para a Linha do Alentejo, em vigor a partir de 24 de Julho de 2011.

 

FONTE: www.refer.pt

Fundos Comunitários

Ler 1811 vezes Modificado em quarta, 22 outubro 2014 22:36

Pesquisar no Google

Canal nº 186169 – Portal Evoracity.NET no MEO Kanal
Canal nº 128300 – Mobilidade Elétrica no MEO Kanal

Código QR

QR Code

Publicidade

Click to listen highlighted text!Powered By GSpeech